Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A-24

Leitura das Europeias

por A-24, em 26.05.14
Rui Carmo

É a do PS que quer governar Portugal e, de caminho, a Europa com a lista paritária apresentada. Começa, sem dúvida, um novo ciclo político. Com duas freguesias por apurar, o PS tem uns soberbos 31,45% dos votos expressos (1.031.892 votos) e a coligação PSD/PP obtém 27,70% (908.811 votos).
Em bom plano está o Bloco de Esquerda que de uma assentada derrota o governo a troika e “partido dos votos em branco”, ao alcançar 4,56% dos votos expressos em urnas progressistas (o que perfaz um total nacional de 149.534 votos), O “Partido dos votos em branco” totaliza 4,41% a que correspondem 144.794 votos.
O Livre – Rui Tavares, unipessoal ilimitado – também é um dos vencedores da maratona eleitoral de Domingo. Ficou atrás do “partido dos nulos”, o que não está ao alcance de todos. Os nulos contaram 3,06% e 100.469 votos expressos. Os 71.520 seguidores do Rui Tavares que votaram nele perfazem 2,18% do total.
Votantes nas eleições para o Parlamento Europeu foram 3.280.561. Inscritos para votar são 9.674.986 cidadãos.