Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A-24

Erro defensivo do FC Porto deu Supertaça ao Barcelona

por A-24, em 27.08.11
O Barcelona venceu a Supertaça europeia pela quarta vez, ao derrotar o FC Porto por 2-0. Um erro defensivo abriu caminho para a vitória dos catalães num jogo em que os portistas deram luta e acabaram reduzidos a nove elementos.
O FC Porto até entrou melhor em campo, dispondo de dois remates perigosos logo nos primeiros minutos, por Moutinho e Hulk.
O Barcelona teve sempre mais posse bola, mas sentiu dificuldades com a defesa portista muito subida e a jogar no fora-de-jogo.
E foi num erro da equipa portuguesa que os catalães se colocaram em vantagem. Guarín atrasou a bola, Sapunaru não chegou e Messi ficou isolado, fintando Helton e marcando (39’). Foi o primeiro golo de Messi nesta competição, a única em que ainda não tinha marcado.
Após o intervalo, o FC Porto voltou a entrar bem e a criar perigo, com Moutinho a rematar ligeiramente ao lado (52’) e Guarín a obrigar Valdés a uma boa defesa (54’).
Numa segunda parte com menos oportunidades, os portistas reclamaram (e com razão) grande penalidade de Abidal sobre Guarín (79’) - já antes, tinha havido outra reclamação, por suposta mão de Villa, mas as imagens não esclarecem se o espanhol toca mesmo a bola com o braço.
Pouco depois, o FC Porto ficou reduzido a dez elementos, por expulsão de Rolando, por segundo amarelo (86’).
Dois minutos depois, Fabregas ampliou para 2-0, após passe de Messi (88’).
Antes do final, Guarín ainda viu cartão vermelho directo, por uma entrada dura, e Helton ainda evitou o 3-0, defendendo um remate de Iniesta.
O FC Porto perdeu a oportunidade de vencer a Supertaça pela segunda vez, enquanto o Barcelona se tornou a equipa espanhola com mais títulos, ultrapassando o Real Madrid (76 contra 75). Guardiola também conquistou o 12.º título pelo clube espanhol, sendo o técnico mais bem sucedido da história do Barça.