Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A-24

Diplomacia eurabiana

por A-24, em 15.01.13
"Tudo nos induz, pois, a constatar que a diplomacia europeia relativamente ao mundo árabe e muçulmano se caracteriza, desde há vários anos, pela mentira recíproca, a demagogia lastimosa e a má fé. Os países da LEA e da OCI - Argélia, Turquia, Egipto, Marrocos, Arábia Saudita, Chade, mali, Mauritânia, etc - tratam as respectivas minorias judaicas (as que não foram ainda completamente expulsas), cristãs e animistas com repressão sempre crescente; na Turquia, matam-se cristãos; no Egipto, perpetram-se pogroms contra os coptas; a Argélia persegue os cabilas convertidos ao cristianismo e fustiga os judeus que habitam no país, a quem nem sequer é concedida autorização para regressarem a suas casas; ao mesmo tempo, porém, estes países exercem enormes pressões, fazem declarações, produzem acções diplomáticas e chegam mesmo a fazer ameaças e chantagens comerciais, destinadas a fazer vergar os europeus num sentido cada vez mais favorável à imigração islâmica e à islamização da Europa. E tudo isto em nome da 'indignação' pela 'islamofobia' europeia e pela 'segregação dos imigrados muçulmanos'."
Alexandre del ValleA Islamização da Europa,Civilização, 2009

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.