Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A-24

Cinco companhias aéreas que deve evitar

por A-24, em 03.11.14
O site Lifehacker pediu aos leitores que escolhessem as piores companhias aéreas do mundo e elaborou uma lista de cinco — aquelas companhias que são tão más que “deviam ser proibidas de voar”. Como os leitores são sobretudo dos EUA, a lista penaliza as americanas. Mas o 1º prémio vai para o Turquemenistão. Já lá vamos.

A maioria dos ‘críticos’ referiu as elevadas taxas e o mau serviço ao consumidor como os problemas centrais das transportadoras aéreas. “Taxas tão altas, um serviço ao consumidor tão terrível, aviões tão desconfortáveis e rotas tão más que vai preferir pagar mais para as evitar por completo”, refere o site. Aos consumidores, o Lifehacker deixou um conselho de última linha: “Evite voar com elas a todo o custo e opte por companhias melhores e mais simpáticas”.

Spirit Airlines
A companhia aérea norte-americana Spirit Airlines é apontada como uma das piores companhias do mundo, mas acompanha-a a fama de bater recordes de reclamações nos Estados Unidos da América, de acordo com a Skytrax, uma consultora britânica que analisa as condições de aeroportos e transportadoras aéreas no mundo inteiro.
De acordo com os leitores do Lifehacker, o grande problema da Spirit Airlines é o das altas taxas aplicadas às bagagens. Mas a má reputação parece não desmoralizar a companhia, que continua a designar-se como “a mais amiga do consumidor”.

Frontier Airlines
A entrada da Frontier Airlines para esta lista das piores do mundo aconteceu em 2008. Até então, a companhia de baixo-custo era considerada confortável, eficiente e com bons preços. Mas, de acordo com o site Lifehacker, tudo mudou quando mudou de mãos.
De acordo com os leitores do site, alguns dos problemas da Frontier parecem estar nas taxas aplicadas “a todas as coisas” e o mau apoio ao cliente. À semelhança da Spirit Airlines, a Frontier também é uma das companhias com maior número de reclamações nos Estados Unidos.

Ryanair
À semelhança de outras companhias de baixo-custo, o grande problema da companhia irlandesa Ryanair é as taxas exorbitantes aplicadas sobretudo às bagagens e que acabam por tornar o voo muito mais caro. Outro problema parece ser o apoio ao cliente que, segundo o site, é “quase inexistente”.

Delta
A Delta Airlines é uma das maiores transportadoras aéreas norte-americanas, mas mesmo assim foi alvo de várias críticas por parte dos utilizadores. À semelhança de outras companhias mais pequenas, a Delta foi acusada de causar sistematicamente problemas aos passageiros e de ter um mau serviço de apoio ao consumidor. Alguns dos problemas incluem bagagens perdidas, voos desviados e atrasos nas partidas e chegadas.

United Airlines
Tem uma das maiores frotas do mundo e é conhecida por tentar pôr o maior número possível de passageiros num só avião. Nesta votação (sempre subjetiva) obteve um número de votações suficiente para ser colocada na lista, em parte por ter sido criticada por várias celebridades, incluindo Joan Rivers —que a ridicularizou numa entrevista a David Letterman, em 2011.
Atrasos devido a problemas técnicos, bagagens perdidas, reservas inexistentes, são alguns dos problemas apontados pelos utilizadores do site Lifehacker. A companhia chegou mesmo a perder o animal de estimação de um dos passageiros, ao envia-lo para um destino diferente. A United Airlines foi uma da poucas companhias a ser multada pelo Departamento dos Transportes, por adiar constantemente os reembolsos aos passageiros.

De acordo uma outra lista, elaborada pela Business Insider e baseada em informações disponibilizadas pela Skytrax, a pior companhia aérea do mundo é, porém, a do Turquemenistão. Sediada em Ashgabat, a capital do país, a transportadora recebeu uma pontuação de 30.8 em 100. Os utilizadores da companhia queixaram-se do desconforto dos bancos e da falta de eficiência da tripulação.